Acessibilidade

Ipaam e Ibama discutem acordo de cooperação técnica

 visita e demonstração das tecnologias aplicadas ao Centro servirão como referência para sistemas do Ibama, também utilizados em fiscalizações para integração de ações conjuntas com o Instituto estadual em combate aos crimes ambientais, bem como o compartilhamento de informações entre órgãos.
Ipaam e Ibama discutem formas de integrar atuações contra o desmatamento no Amazonas.

Diretores dos dois órgãos ambientais reuniram-se na sede do Ipaam para alinhamento de ideias

Diretorias Técnica e Jurídica do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) receberam, nesta quarta-feira (04/05), membros da Diretoria de Proteção Ambiental e Centro Nacional de Monitoramento e Informações Ambientais (Cenima), do  Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), para visita ao Centro de Monitoramento Ambiental e Áreas Protegidas (CMAAP) do Ipaam e reunião de alinhamento para futuras ações conjuntas no Amazonas.

Na ocasião, quando foram apresentados os principais mecanismos que compõem o parque tecnológico no trabalho de monitoramento diário, os presentes puderam conhecer toda a estrutura e operacionalização diante das camadas disponíveis no sistema para monitoramento, classificadas em diferentes objetivos, como: áreas de desmatamento constatadas pelo Ipaam, focos de calor por unidades de conservação ou terras indígenas, entre outros.

Compartilhamento de informações é pauta definida entre Ipaam e Ibama.
Compartilhamento de informações é pauta definida entre Ipaam e Ibama.

A visita e demonstração das tecnologias aplicadas ao Centro servirão como referência para sistemas do Ibama, também utilizados em fiscalizações para integração de ações conjuntas com o Instituto estadual em combate aos crimes ambientais, bem como o compartilhamento de informações entre órgãos.

Representantes da sede nacional do Ibama conheceram, nesta quarta-feira (04/05), o Centro de Monitoramento Ambiental e Áreas Protegidas do Ipaam.
Representantes da sede nacional do Ibama conheceram, nesta quarta-feira (04/05), o Centro de Monitoramento Ambiental e Áreas Protegidas do Ipaam.

Ações – Na reunião discutiu-se, ainda, a possibilidade de uso compartilhado de imagens de radar. A ideia é aumentar o alcance das ações em regiões de difícil acesso, além de utilizar, em conjunto, as mesmas tecnologias de monitoramento e de autuação de crimes ambientais já utilizadas pelo Ipaam, no CMAAP.

O diretor jurídico do Ipaam, André Chuvas, observou a importância da união entre os órgãos de proteção ambiental. “É de extrema relevância a integração do Ipaam junto com o Ibama, para melhoramento na troca de dados e informações, considerando o núcleo de monitoramento do Ipaam. O objetivo é combater cada vez mais os ilícitos ambientais e formar essa cooperação entre os órgãos federais e estaduais”, disse.

Aécio Galiza, coordenador geral de fiscalização ambiental do Ibama, reforça o objetivo de ações para melhorar os resultados no combate aos crimes ambientais.

“A pauta de hoje é justamente no sentido de conjugar esforços e compartilhar informações. Verificamos hoje que podemos juntos fazer muito melhor, evitando duplicidade de trabalho e multiplicando nossos esforços. Aproveitando o melhor de cada órgão, para que o resultado seja bem mais eficiente”, afirmou Aécio.

 

FOTOS : José Narbaes/Ipaam

TEXTO: Andréia Carvalho / Jeovana Torres